A

VILA

Cores, natureza, simplicidade. Abundância, prosperidade, misticismo. Trancoso é, para muitos, refúgio e imersão. Não é por menos que um dos trocadilhos mais famosos com seu nome é "Trancoso, tranca", e tranca mesmo! A vila, descoberta pelos viajantes só em 1970, abriga além dos nativos, pessoas que foram visitar e nunca voltaram, acolhidas pela terra e pelas pessoas que ali já estavam. Juntos criam, de forma simples, contemporânea e extremamente criativa, um lugar cheio de charme, já conhecido pela sua relação do rústico com o chique. O Quadrado, tombado pelo Patrimônio Histórico, é colorido e sossegado durante o dia e intimista e badalado à noite. Os restaurantes de alta gastronomia e as lojas de grife habitam as pequenas e típicas casinhas coloridas, muitas delas construídas artesanalmente com detalhes minuciosos e encantadores. Do lado de fora, as mesas e almofadas ficam dispostas embaixo de árvores enormes e iluminadas, criando um clima sereno e confortável. Do Mirante, o horizonte a se perder de vista e, com sorte, o surgimento de uma lua cheia. Trancoso é, ao mesmo tempo, simplicidade e grandiosidade; calmaria e agitação; sossego e selvageria. Uma fenda no espaço-tempo, quase secreta e clandestina, onde o novo se adapta e o velho surpreende.

Sem Título-1_edited.jpg
  • Whatsapp
  • Instagram - Cinza Círculo
  • TripAdvisor - círculo cinza
  • Spotify - círculo cinza
  • Pinterest - círculo cinza